Nº de acessos

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Prefeito Edson e Deputado Diogo conseguem mais policiais para o Agreste







Em reunião na tarde desta quinta-feira (10), o Prefeito de Santa Cruz do Capibaribe Edson Vieira (PSDB), recebeu a notícia do Secretário Estadual de Defesa Social, Alessandro Carvalho, que a região do Polo das Confecções irá receber um reforço de 160 homens para Companhia Independente de Operações e Sobrevivência em Área de Caatinga (CIOSAC).

O encontro foi realizado em Recife, na sede da Secretaria de Defesa Social e contou com a presença do deputado estadual Diogo Moraes (PSB), Fábio Aragão, Secretário de Defesa Social e Mobilidade Urbana e do Comandante do 24º Batalhão de Polícia Militar, Tenente Coronel Reinaldo.

“Este reforço vai atuar unicamente para resolver problemas, com a intensificação das ações em Santa Cruz do Capibaribe e região”, destacou Alessandro Carvalho, Secretário Estadual de Defesa Social.

O prefeito Edson Vieira disse que mesmo o país passando por um período difícil, tem buscado soluções para combater a criminalidade do município. “Mesmo diante de uma grande crise que assola o país e que está afetando todas as áreas, nosso grupo não ficou parado, conseguimos um grande reforço para o agrupamento da Ciosac que vai atuar maciçamente no combate a marginalidade, minimizando os problemas de segurança pública em Santa Cruz”.

“Esses 160 homens para o agrupamento da Ciosac vão ajudar muito, conseguimos esse reforço policial que certamente irá diminuir a sensação de insegurança em nossa região”, pontuou o deputado Estadual Diogo Moraes.

Para Fábio Aragão, Secretário de Defesa Social e Mobilidade Urbana o encontro foi proveitoso e conseguiu bons frutos para Santa Cruz do Capibaribe. “Teremos mais homens da companhia da Ciosac presente nas ruas de Santa Cruz, esse efetivo estará atuando diariamente na cidade, solucionando os casos de violência no município”.

Os 160 homens que irão reforçar o agrupamento da Ciosac estão passando por um período de treinamento e em aproximadamente um mês estarão em campo, atuando no combate à violência da região.


Nenhum comentário: