Nº de acessos

sábado, 30 de maio de 2015





Lalinha foi executado e teve a cabeça decapitada na rebelião da FUNASE.



A família do menor Maurício Manuel dos Santos "Lalinha" de 17 anos, realizou o sepultamento no cemitério Pedro e Paulo da Rocha, por volta de 10:h. desta sexta-feira (29), em Santa Cruz do Capibaribe. O menor foi torturado e executado durante uma rebelião na FUNASE ocorrida na noite da última terça-feira (27). de Caruaru, o jovem estava internado cumprindo pena socioeducativa.

Informações dão conta que Lalinha era um dos envolvidos no conflito entre gangues que existe dentro da FUNASE,  foi surpreendido por outro menores rivais, durante a rebelião pelo menos mais 12 jovens ficaram feridos e tiveram que ser encaminhados para atendimento hospitalar naquela cidade, a polícia confirmou dois óbitos, uma foi o menor que residia que residia no bairro Santo Agostinho em santa e Talmir Alves Cavalcante de 16 anos, este residia na cidade de Caruaru.



Do Patrulha do Agreste


Nenhum comentário: