Nº de acessos

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Bombeamento de água da barragem de Jucazinho é suspenso para Santa Cruz do Capibaribe e mais 11 municípios

A barragem está no nível mais baixo desde sua inauguração

Desde o último sábado (24) começou a suspensão do bombeamento de água vinda da barragem de Jucazinho.
De acordo com a Compesa, a barragem, que tem apenas 2,5% de seu volume total de armazenamento, passará explorar o “volume morto”, que é o volume de água que fica abaixo daquele que normalmente é utilizado na contabilidade do volume total.

Durante os próximos 12 dias, a barragem receberá a instalação de uma bomba submersa, de modo que a água que ainda resta possa ser retirada e o rodízio atual para as 12 cidades possa voltar a ser mantido.

Ainda de acordo com a Compesa, durante esse período, todos os municípios que recebem água da barragem serão abastecidos apenas por carros pipa. O uso do “volume morto” deve garantir o rodízio atual do abastecimento, segundo a Compesa, por mais quatro ou cinco meses.

Inaugurada em 1998, a barragem enfrenta o volume mais baixo de sua história em períodos longos de estiagem. São atendidos pela barragem de Jucazinho os municípios de Santa Cruz do Capibaribe, Caruaru, Surubim, Riacho das Almas, Cumaru, Passira, Casinhas, Vertente do Lério, Frei Miguelinho, Toritama, Vertentes e Salgadinho.


Do Patrulha do Agreste/fonte: Blog do Ney Lima.

Nenhum comentário: