Nº de acessos

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Em Audiência Pública, equipe da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe esclarece dúvidas sobre o Calçadão de Confecções








Em Audiência Pública, equipe da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe esclarece dúvidas sobre o Calçadão de Confecções


Provocada pelo Ministério Público de Santa Cruz do Capibaribe, aconteceu na manhã desta quarta-feira (22), na Câmara Municipal, uma Audiência Pública para tratar de questões relativas às transferências dos comerciantes do “poeirão” para o Novo Calçadão de Confecções Miguel Arraes de Alencar que teve a feira inaugural no último mês de janeiro.

Na ocasião, a equipe da Prefeitura Municipal que integra a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Meio Ambiente e a Procuradoria Geral do Município estiveram à disposição das autoridades e comerciantes para esclarecer dúvidas e resolver as questões apontadas.

“Desde a primeira feira realizada em janeiro, nós da gestão municipal estamos trabalhando na resolução de algumas questões comuns que acontecem em qualquer mudança, na audiência de hoje, fizemos o possível para responder aos questionamentos e solucionar eventuais problemas apontados pelos comerciantes do Calçadão de Confecções, tanto é que montamos um local para atender as demandas das pessoas que compareceram à Câmara de Vereadores”, ressaltou Bruno Bezerra, secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Meio Ambiente.

Enquanto ocorria o encontro, a equipe da prefeitura do Departamento de Feiras e Mercados atendeu aos comerciantes em um posto improvisado na sala de reuniões da Casa Dr. José Vieira de Araújo. 

De acordo com os promotores Dr. Iron Miranda e Dra. Bianca Stella, o primeiro contato para procurar solucionar as questões relativas ao calçadão aconteceu de forma satisfatória. “A audiência de hoje foi muito proveitosa e através dela esperamos solucionar os problemas de forma pacífica para que da maneira mais rápida possível as pessoas consigam trabalhar e levar suas vidas em frente”, disse a promotora Dra. Bianca Stella.



Do  Patrulha do Agreste / fonte: Assessoria

Nenhum comentário: