Nº de acessos

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Há se no Brasil fosse assim!


O ex-governador da Virginia, Bob McDonnell, fala com jornalistas na saída da corte após receber a sentença de dois anos de prisão, na terça (6) 

O ex-governador da Virgínia (leste dos EUA) Bob McDonnell, que chegou a ser uma estrela em ascensão do Partido Republicano, foi condenado nesta terça (6) a dois anos de prisão por aceitar até US$ 121 mil em presentes caros e subornos de um empresário local.

Em 2012, McDonnell foi candidato à vice-presidência dos Estados Unidos na chapa encabeçada pelo republicano Mitt Romney, na disputa pela Casa Branca.

Segundo disposição do juiz federal James Spader, citada pelo jornal "The Washington Post", Bob McDonnell, de 60 anos, deve ir para a prisão em 9 de fevereiro.

Em setembro passado, o Tribunal federal de Richmond considerou sua mulher, Maureen, culpada por corrupção e obstrução à Justiça. A sentença será anunciada em 20 de fevereiro.

A Promotoria pediu uma pena entre dez e 12 anos de prisão para Bob McDonnell, enquanto a Defesa solicitou a aplicação de seis mil horas de trabalho comunitário, alegando que o ex-governador não sabia de alguns dos subornos aceitos por sua mulher.



Do Patrulha do Agreste /Foto: Alex Wong/Getty Images/AFP)

Nenhum comentário: